segunda-feira, 22 de abril de 2019

Bebê que havia sido raptado no Imip é encontrado e devolvido à mãe


O bebê  havia sido raptado no último sábado (20) no Imip, onde nasceu prematuramente e estava internado / Foto: Divulgação

Foto: Divulgação
JC Online

O pequeno Gabriel, um bebê de 19 dias de vida, que havia sido raptado no último sábado (20) no Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira (Imip), no bairro dos Coelhos, área central do Recife, foi encontrado pela Polícia Civil na noite desse domingo (21) no bairro de Afogados, Zona Oeste da cidade, após uma denúncia anônima, com a mesma mulher que o levou da maternidade.
“Nunca perdi a esperança. Não achava que ele fosse aparecer tão rápido, mas Deus é muito bom”, disse a dona de casa Luana Maria da Silva, 30 anos, após reencontrar seu filho. “Agradeço a Deus pela mulher ter denunciado e eu ter achado meu filho. Eu estou muito feliz, não vou sair de perto dele nunca mais”, completou a dona de casa.


Sobre a suspeita, a mãe de Gabriel afirma que não guarda mágoa. “Desejo que ela tenha paz na vida dela e possa ter um filho e também, que pare de fazer isso com outras pessoas”, finaliza. Segundo testemunhas, a suspeita, identificada como Eliane Antonia de Oliveira, 47 anos, afirmou que era avó do menino quando saiu com ele do hospital.

Reencontro

Mãe e filho se reencontraram na Central de Plantões da Capital, no bairro de Campo Grande, Zona Norte do Recife. A suspeita foi presa e deve ser apresentada em audiência de custódia nesta segunda-feira (22). Ainda na manhã dessa segunda, o delegado Cláudio Neto dá detalhes sobre o caso na sede da Polícia Civil, na Rua da Aurora, bairro da Boa Vista.

Por R$ 860! Homem amputa pênis de colega que buscava fama e publica imagens nas redes sociais



 Ele queria ganhar fama na web (Foto: Reprodução/Arquivo/Navarra.com)
Um homem de 33 anos pagou o equivalente a R$ 860 para o colega de quarto amputar o pênis dele. Apesar do consentimento da vítima, o autor do procedimento, de 29 anos, acabou preso.Segundo tabloide The Sun, o britânico filmou a amputação para compartilhar o vídeo num app de relacionamento, com o objetivo de “encontrar alguém”.
O jovem do membro amputado foi encontrado pela polícia vagando ensanguentado pelas ruas da cidade.
Ao ser encaminhado ao hospital, as autoridades abriram investigação e chegaram ao apartamento da vítima, onde encontraram o órgão sexual do rapaz escondido em um saco plástico.
O pênis foi levado ao hospital, mas não há informações se foi “reconectado”. Apesar de ter assegurado que havia cometido o ato sozinho, os agentes encontraram indícios de que o britânico recebeu auxílio de uma segunda pessoa.
Segundo o jornal Heraldo de Aragón, ao ser detido, o colega do amputado tentou alegar insanidade, o que foi descartado por um psiquiatra.Por Hora 7

Dona de casa diz que filho recém-nascido foi raptado no Imip


Criança tem menos de um mês e teria sido raptada no último sábado (20) / Foto: Divulgação

Foto: Divulgação
JC Online

Uma dona de casa de 30 anos, que estava com o filho internado no Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira (Imip), na área central do Recife, afirma que seu filho foi raptado na unidade de saúde no último sábado (20). Segundo Luana Maria da Silva, que é natural de Paudalho, na Mata Norte do Estado, testemunhas disseram-lhe que uma mulher teria levado a criança quando ela deixou o quarto onde ela estava internada – situado no 4º andar – para levar roupas para o marido, que a aguardava no térreo e não teve a identidade revelada. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil.
Segundo Luana, o pequeno Gabriel nasceu no último dia 4 de abril, quando ela estava com oito meses de gestação. Por ser prematuro, o bebê estaria abaixo do peso, por isso a internação foi indicada. Em entrevista à TV Jornal, a dona de casa relatou que na noite do sábado o seu marido envolveu-se em uma confusão com um dos seguranças do hospital, pois tentou chegar ao local de internamento do filho levando um garfo e uma faca junto com um bolo que havia comprado para ela, o que não seria permitido, uma vez que os objetos são perfurocortantes.
“Meu marido foi comprar um pedaço de bolo pra mim e depois não o deixaram subir mais. Houve uma confusão, agrediram ele e o mandaram embora. Nesse momento eu levei até ele as coisas que estavam comigo e foi aí que roubaram meu filho”, comentou Luana.

Procurado pelo JC, o Imip não comentou a denúncia de agressão relatada pela mãe da criança. Por nota, o hospital afirmou “que está dando todo suporte necessário para solucionar o caso do filho de L.M.S”. O texto diz, ainda, que “as imagens das câmeras de segurança da Instituição já foram entregues à polícia, que está à frente do caso”.
De acordo com a Polícia Civil, a mãe do menino registrou um Boletim de Ocorrência na Central de Plantões da Capital na madrugada do sábado para o domingo comunicando do rapto. A corporação informou, ainda, que as investigações ficarão sob sigilo até a elucidação do fato.

OUTRA VERSÃO

Em reserva, uma testemunha dos fatos disse  que acreditava que o responsável pelo sumiço da criança seria o próprio pai do menino. Segundo esta fonte, o homem teria provocado a confusão para que a mulher que levou o bebê pudesse agir e estaria bêbado quando tudo ocorreu.

sábado, 20 de abril de 2019

Homem suspeito de matar próprio filho é preso em Nazaré da Mata


O suspeito foi levado para a delegacia de Nazaré da Mata, onde foi autuado em flagrante / Foto: Reprodução/Google Street View

Foto: Reprodução/Google Street View
JC Online

A polícia prendeu, nesta sexta-feira (19), em Nazaré da Mata, um homem suspeito de matar o próprio filho a golpes de facão em Vicência, na Zona da Mata Norte de Pernambuco. Segundo a Polícia Civil, o caso aconteceu nessa quinta-feira (18), após pai e filho discutirem.
Ainda de acordo com a polícia, Luiz Inácio Barbosa da Silva, de 56 anos, teria assassinado Welinaldo Luiz Barbosa da Silva, de 26 anos, por causa do consumo de bebidas alcoólicas. A vítima chegou a ser encaminhada para o Hospital da Restauração (HR), no bairro do Derby, área central do Recife, mas não resistiu à gravidade dos ferimentos e morreu.

Flagrante

Segundo o delegado William Matheus, o suspeito foi levado para a delegacia de Nazaré da Mata, onde foi autuado em flagrante e a arma utilizada no crime foi apreendida. O delegado contou ainda que pai e filho já tinham um histórico de casos envolvendo agressões. O suspeito foi levado para audiência de custódia.