quinta-feira, 19 de abril de 2018

Estudante é presa com 16 quilos de cocaína no aeroporto do Recife


A apreensão foi divulgada pela Polícia Federal nesta quinta-feira (19) / Foto: Divulgação/PF

Foto: Divulgação/PF
JC Online

Uma estudante de 20 anos foi presa com cerca de 16 quilos no Aeroporto Internacional do Recife, na Zona Sul da cidade, nessa terça-feira (17). De acordo com a Polícia Federal, a jovem, identificada como Jhullyana, é do Espírito Santo e informou que receberia R$ 5 mil pelo transporte da droga de São Paulo para a capital pernambucana.
A prisão aconteceu durante uma fiscalização de rotina no aeroporto. No desembarque, policiais notaram que a jovem aparentava estar nervosa e a chamaram para uma entrevista. Ela se contradisse em algumas respostas e foi levada para a sala da Polícia Federal, onde sua mala foi averiguada. Na bagagem, a PF encontrou 15 tabletes de cocaína, totalizando 16,2 quilos.


Além da cocaína, a polícia apreendeu cartões de embarque, documentos, um celular e R$ 1.600. Em interrogatório, a estudante não deu maiores detalhes sobre quem foi a pessoa que lhe aliciou para trazer a droga de São Paulo para Recife e nem a quem iria entregar a encomenda.

Após ter a prisão preventiva decretada, a estudante foi levada para a Colônia Penal Feminina do Recife, onde está à disposição da Justiça.

Apreensões de drogas no Aeroporto do Recife

Esta foi a quarta apreensão de drogas realizada pela Polícia Federal no Aeroporto Internacional do Recife neste anos. Até agora, foram registradas seis prisões (quatro mulheres e dois homens). Foram apreendidos 19,7Kg de cocaína e 80,5Kg de Haxixe. 

quarta-feira, 18 de abril de 2018

CORPO É ENCONTRADO BOIANDO EM AÇUDE DE SOLIDÃO

Um corpo foi encontrado boiando nas águas de um açude no município de Solidão amanhã desta quarta-feira (18 de abril de 2018), um corpo foi encontrado no Sítio Pintada, na zona rural do município no, Sertão de Pernambuco, no açude do Farmacêutico Mano.
A vítima foi identificada como Adenilson Rodrigues Bento, de aproximadamente 37 anos de idade, conhecido carinhosamente como “negão de Zé Rodrigues”.
De acordo com informações extraoficiais colhidas no local, Adenilson vei a falecer  provavelmente após tentar atravessar o açude, e por algum motivo acabou se afogando. Sendo encontrado por populares na manhã desta quarta-feira.
Ainda seg

undo informações preliminares a vítima ingeria muita bebida alcoólica, que estava alcoolizada, o que pode ter sido o fator principal do possível afogamento. O corpo dele foi encaminhado para o IML de Caruaru, para a realização de um laudo de exame cadavérico.Com informações do S1 Notícias 


terça-feira, 17 de abril de 2018

TETO DE VARANDA CAI E ADOLESCENTE MORRE ENQUANTO BALANÇAVA EM REDE EM ALAGOINHA



Uma adolescente de 17 anos morreu após ser atingida pelo teto de uma varanda na zona rural de Alagoinha, Agreste de Pernambuco. De acordo com o hospital do município, a jovem, identificada como Júlia Inácio, balançava em uma rede com outras duas pessoas quando o acidente ocorreu. O caso foi no sábado (14), mas as informações só foram repassadas nesta segunda-feira (16).
A jovem foi socorrida para uma unidade de saúde local e chegou a ser transferida para o Hospital Lídio Paraíba, em Pesqueira, mas não resistiu aos ferimentos.
Testemunhas informaram que Júlia e as outras duas pessoas foram para a rede após o almoço, mas a estrutura não suportou o peso e cedeu. Eles estavam comemorando o aniversário da mãe da vítima no local.
O estado de saúde das vítimas que ficaram feridas não foi informado. Até a publicação desta matéria, a polícia não havia sido acionada para apurar o caso.
(Agreste Violento Com informações do G1)

Por causa de um canal no dente, Renata Banhara pode perder fala e visão após doença regredir


 O antes e depois da modelo, ex-mulher do cantor Frank Aguiar
Renata Banhara, que, desde novembro de 2016, luta contra uma infecção no cérebro, pode perder a visão. A informação foi confirmada ao R7 pelo médico que acompanha a modelo, Jamal Azzam.
Em entrevista, o clínico, especialista em otorrinolaringologia pelo Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP, explicou que o problema de Renata está nos seios da face, que estão entupidos, resultando em uma infecção crônica dentro do osso.
Isso significa, segundo ele, que, se Renata não se submeter rapidamente a uma cirurgia, ela pode ter complicações sérias, como por exemplo, uma infecção dentro dos olhos, que levaria a perda da visão, ou até coisas mais graves.
Segundo o médico, as consequênicas de uma meninginte são graves.
— Ela pode apresentar problemas neurológicos e motores, como, por exemplo, não mexer mais as pernas e os braços. Ela pode não falar mais. Pode não reconhecer as pessoas. Pode, inclusive, morrer ou ter convulsões.
Com o plano de saúde cortado pelo ex-marido após desentendimento do casal por traição, Renata não tem condições financeiras de arcar com o procedimento que, segundo o médico, está avaliado em torno de R$ 80 mil. Com isso, a doença da modelo vem regredindo desde janeiro passado. Hoje, Renata conta com o acompanhamento do médico a pedido de uma emissora de televisão.
— Ela está pronta para a cirurgia, no entanto, não tem dinheiro. Como médico, minha obrigação é continuar dando suporte. Num primeiro momento, ela deve procurar o serviço público. Quero deixar claro que o serviço público é heroico diante das dificuldades que tem: leito, acesso. O problema não é o meu honorário, eu só precisaria colocar ela em um hospital. Estamos lutando contra o relógio. Renata é um ser humano que precisa de ajuda.
Doença X agressão
Na semana passada, Renata Banhara ganhou os noticiários após divulgar um vídeo em que aparece sendo agredida pelo ex-marido. A gravação foi feita dois meses após a modelo descobrir uma traição.
Nas imagens, o ex-marido de Banhara aparece tirando as roupas da modelo dos armários, dando entender que a tiraria de casa. Renata rebateu a ação do homem.
— Quem vai para a rua é você, cachorro.
Renata deu mais detalhes sobre o dia da agressão.
— Ele me violentou com o aparelho celular batendo três vezes na minha cabeça, meu telefone virou um “S”. Detalhe: ele me machucou no exato local da minha cirurgia. Foi assustador!
No dia 22 de fevereiro, a modelo deu uma declaração ao quadro Hora da Venenosa, do Balanço Geral. Ela descobriu a traição por meio de empregados de sua casa. Ao exigir satisfação do marido, ele acabou se exaltando e a agrediu.
Renata afirmou que registou boletim de ocorrência e exame de corpo de delito na Delegacia da Mulher.
— Eu vivi um terror na minha vida e pensei muito se ia falar ou não. Esperei me acalmar, refleti e cheguei à conclusão de que eu tinha que falar sim. O Brasil conhece a minha luta!
E acrescentou: “Quando ele casou comigo sabia que eu não era uma jovem mochileira. Ele casou com uma mulher, mãe, companheira para tudo nessa vida. Inclusive, passamos por momentos difíceis que eu o ajudei muito”.
Ainda segundo ela, a traição começou tão logo ela soube do diagnóstico da infecção no cérebro.
— Desde que fui acometida com a doença, tenho sido tratada com descaso pelo meu marido. Ele estava levando uma jovem para nossa casa em Juqueí [litoral norte de São Paulo]. Eu pedi pra conversar com ele e disse que estava já sabendo de tudo. A atitude dele foi execrável! Foi me espancar, me agredir, foi tentar esconder minha bolsa e meu celular.
Renata finalizou agradecendo a presença do filho mais velho que, no momento da agressão, intercedeu contra o ex-marido de Renata.
— Se ele não estivesse entrado no quarto aquela hora, eu não sei o que teria sido. Por R7