domingo, 9 de maio de 2021

Prefeito de Itaquitinga, na Zona da Mata de Pernambuco, morre em acidente de carro

 


O prefeito de Itaqutinga, na Zona da Mata Norte de Pernambuco, morreu, neste sábado (8), em um acidente de carro. Segundo assessores, Pablo Moraes (PSB) de 38 anos, estava sozinho no veículo.

De acordo com Djair Anderson, um dos assessores de comunicação da prefeitura de Itaquitinga, Moraes estava saindo da cidade para ir até Carpina, na mesma região.

“A batida aconteceu no fim de tarde, na rodovia que liga Itaquitinga a Nazaré da Mata [PE_52]”, contou o assessor. Ele informou, ainda, que o prefeito chegou a ser levado para o hospital, mas não resistiu.

Anderson não soube informar o que teria provocado o acidente. Ele disse que o enterro deve ocorrer no domingo (9), em Itaquitinga, mas não divulgou o horário.

Pablo Moraes estava no segundo mandato de prefeito. Ele comandou o Executivo municipal entre 2013 e 2016 e e venceu as últimas eleições, em 2020. G1 PE

sábado, 8 de maio de 2021

Fiocruz: pandemia de Covid-19 faz vítimas cada vez mais jovens

Foto: JUAN BARRETO / AFP

 A pandemia de Covid-19 no Brasil está se espalhando cada vez mais pelas camadas jovens da população.


A constatação faz parte do Boletim do Observatório Covid-19, editado pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), divulgado nesta sexta-feira (7). Os dados apresentados nesta edição confirmam o processo de rejuvenescimento da pandemia, com uma clara mudança demográfica: adultos jovens e de meia-idade representam uma parcela cada vez maior dos pacientes em enfermarias e unidades de terapia intensiva.

Referente às semanas epidemiológicas 16 e 17 de 2021, entre 18 de abril e 1º de maio, a análise destaca as oscilações dos indicadores nos estados, a alta proporção de testes com resultados positivos, bem como a manutenção da sobrecarga de todo o sistema de saúde. Esses indícios revelam que a pandemia se mantém em patamar crítico de transmissão, com valores altos de incidência e mortalidade.

“A ligeira redução de casos e óbitos por Covid-19 não significa que o país tenha saído de uma situação crítica, pois as médias diárias de 59 mil casos e de 2,5 mil óbitos nestas duas semanas epidemiológicas se encontram em patamares muito elevados. Somente com a redução sustentada por algumas semanas, associada à aceleração da campanha de vacinação e à intensificação de ações de distanciamento físico e social, combinadas com proteção social, será possível alcançar a queda sustentada da transmissão e a redução da demanda pelos serviços de saúde”, alertaram os pesquisadores do Observatório, responsáveis pelo boletim.

Rejuvenescimento
O processo de rejuvenescimento da pandemia no Brasil é confirmado por meio dos novos dados apresentados no Boletim. A semana epidemiológica 16 apresenta idade média dos casos internados de 57 anos, versus idade média de 63 anos na semana epidemiológica 1. Para óbito, os valores médios foram 71 anos, na semana epidemiológica 1 e 64 anos nesta última. Segundo a Fiocruz, há deslocamento da curva em direção a faixas etárias mais jovens.

Quanto ao número de leitos, após muitas semanas em situação muito crítica, as taxas de ocupação de leitos de unidade de terapia intensiva (UTI) covid-19 no país começam a dar sinais de melhora, embora ainda longe de indicar um quadro tranquilo. Entre 26 de abril e 3 de maio, as taxas de ocupação de leitos de UTI covid-19 para adultos mantiveram a tendência lenta de queda em quase todo o país.Diário de PE

sexta-feira, 7 de maio de 2021

Bebê jogado em matagal dentro de mochila no litoral de SP chora e é resgatado

 

Foto: Reprodução

Um bebê recém-nascido foi encontrado, na noite de quinta-feira (6), dentro de uma mochila abandonada em um matagal, no bairro Vera Cruz, em Mongaguá, no litoral de São Paulo. De acordo com a Polícia Civil, o menino ainda estava com o cordão umbilical. Ele foi socorrido por equipes da Polícia Militar, encaminhado para uma maternidade da cidade e passa bem.

O caso ocorreu, por volta das 19h, em uma área de mata na Avenida José Cesário Pereira Filho. Moradores passavam pelo local, quando um deles ouviu o choro de uma criança vindo da mata e encontrou uma mochila. Em um vídeo, obtido pelo G1 nesta sexta-feira (7), é possível ver o momento em que o bebê é localizado.

As imagens mostram os moradores abrindo a bolsa e encontrando uma sacola. "É uma criança ou um cachorro?", pergunta um deles. Em seguida, é possível ver a criança enrolada em uma camiseta.

O grupo acionou uma equipe da Polícia Militar, que compareceu ao local e constatou que se tratava de um menino. Ele apresentava quadro de hipotermia, além de algumas escoriações, provavelmente, causadas por insetos.A PM levou o recém-nascido até Hospital e Maternidade Municipal Dra. Adoniran Correa Campos, onde recebeu os primeiros atendimentos e transferido para o Hospital Regional Jorge Rossmann, em Itanhaém. Ainda conforme informou a Polícia Civil, a criança passa bem e permanece internada.

O caso foi registrado no 1º Distrito Policial de Mongaguá como abandono de incapaz e segue sob investigação. A Polícia trabalha para identificar e localizar a mãe do bebê. Do G1